sexta-feira, 25 de maio de 2018

CARAMBOLA É TÓXICA PARA RINS E CÉREBRO?

A carambola (Averrhoa carambola) é uma fruta bastante popular nos países de clima tropical e subtropical. O seu consumo se dá não só através da própria fruta ou do seu suco, mas também através de chás, extratos, concentrados e ervas medicinais.

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Fatores de Risco para AVC

Acidente vascular  encefálico  AVE ou  ainda  AVC,  de acidente vascular cerebral é o equivalente  do  termo  genérico  inglês stroke,  que  descreve  apenas  o  comprometimento funcional neurológico.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Síndrome do Pânico

O Transtorno de Pânico (TP) ou Síndrome do Pânico (SI) é um transtorno de ansiedade caracterizado pela presença de três síndromes clínicas: o ataque de pânico, a ansiedade antecipatória e a esquiva fóbica.



O Transtorno do Pânico (TP) caracteriza-se por ataques de ansiedade  frequentes  e  recorrentes.

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Gordura Visceral, onde fica essa gordura?

A gordura visceral fica por trás da parede abdominal e os órgãos que rodeia, no interior da cavidade peritoneal. A gordura visceral afeta negativamente a saúde, aumentando a inflamação nos órgãos. Em parte, porque ele libera substâncias chamadas adipocinas, que são proteínas de sinalização celular que aumentam a pressão arterial e influenciam a insulina.

sexta-feira, 4 de maio de 2018

Obstrução intestinal em bebês

Crianças e recém-nascidos podem apresentar obstrução intestinal. Porém, devido à dificuldade em se estabelecer os sintomas, o diagnóstico pode demorar para ocorrer. Em geral, o quadro não apresenta motivos aparentes, sendo que apenas 5% dos casos estão relacionados a tumores, infecções intestinais, gânglios aumentados ou supressão da parede intestinal.



quinta-feira, 3 de maio de 2018

POR QUE SOLTAMOS PUNS E ARROTOS?

Uma mesa farta, uma animada conversa, copos de refrigerante ou cerveja bem distribuídos entre os convivas são os ingredientes de uma refeição agradável, mas, também, as causas mais comuns para que o organismo produza excesso de gases, que resulta tanto em eructação (ato de arrotar) quanto em flatulência.


 Ou seja, essa quantidade de ar em excesso pode sair pela boca, por meio de um desagradável arroto, se o gás é formado no estômago, ou pelo ânus, num flato, quando o ar se forma no intestino, resultante da fermentação de determinados alimentos.